quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Para os mandioqueiros que não lembram mais de mim (Daio)

      O ex-colega e amigo Pittol que esteve aqui em Poa na sexta-feira p.p, deixou para mim uma lista de nomes de ex-colegas mandioqueiros do período que eu estudei no IMERAB. Liguei para todos cujo telefone estava ao lado do nome na lista. Muitos e muitos mandioqueiros não lembravam mais de mim, mesmo  dando referências da época.
     Para os que não lembram mais de mim vai este acróstico, para mostrar como eu fui descrita pelo Sr. Dirceu Pinto da Silva. Continuo como ele me descreveu com toda a Kilometragem já rodada da vida.

Clique na Imagem para Visualiza- lá

Obs: Por muitos e muitos veraneios a família do Sr. Dirceu me recebeu com muito carinho na "Maloca" de Tramandaí.


2 comentários:

  1. Daio vc faz jus ao acróstico que o Dirceu fez em tua homenagem.
    Ninguém iria compor algo desse porte se não houvesse sinceridade.
    Parabéns conquistadora de amizades.
    Um abraço
    Vera Lucia Fonseca

    ResponderExcluir
  2. Daio Querida!O acróstico fala muito do que és.Tenho muita saudade daquele tempo...Estou articulando a minha ida para o mandiocaço.bj MICO

    ResponderExcluir

Deixe aqui o seu comentário.